31
out
10

serra iludiu-se com a extrema-direita

Um partido claramente de extrema direita não teria sucesso no Brasil a ponto de chegar a governar, não pelo voto. O PSDB chegou ao segundo turno com uma posição de extrema direita. Como explicar?Desde 1930, com a revolução liderada por Getúlio Vargas, nunca a direita conseguiu eleger-se com posições extremadas, puras e duras. Elegeu Jânio Quadros, Collor, e FHC. Todos bem disfarçados. Jânio chegou a condecorar Che Guevara, Collor fazia a denúncia da Corrupção, dos altos salários e um apelo populista, como Jãnio também o fizera. FHC pegou carona no Plano Real e teve o apoio de Itamar, não havia se mostrado inteiramente como um neoliberal. Como poderia Serra se iludir com as bandeiras de extrema-direita?
A linha política da campanha de Serra oscilou do adesismo a Lula ao extremo denuncismo anti-lula. Serra tentou convencer ao eleitor de que seria melhor continuador de Lula do que a Dilma. Manteve essa posição até o final da campanha, atenuando-a de modo a dizer “o que for bom eu continuarei e aperfeiçoarei”. Serra não queria se chocar com a popularidade de Lula que mantinha-se em torno de 85%. Apesar disso, Serra procurava fazer denúncias, sempre por meios escusos, sobre a “gestão” de Dilma como chefe da Casa Civil. Seus argumentos não eram de que o Lula fizera errado, mas Dilma como ministra coordenadora do governo Lula. Serra, a partir de um determinado momento, passou a utilizar-se de argumentos extremos tais como o do aborto e da corrupção, jogando sobre Dilma pesadas acusações. Foi um deslocamento para a extrema direita. Começou a perder votos e a tirar votos de Dilma. Marina cresceu.
Veio o segundo turno. Sem Marina, boa parte dos votos dados a ela seguiram o caminho de Serra. Chegou a ameaçar uma virada. A reação da sociedade, com engajamentos de artistas, intelectuais, religiosos, estudantes, sindicalistas e movimentos vários na campanha da Dilma estancou o crescimento de Serra, promoveu o crescimento e consolidação de Dilma. Serra, ao optar pela extrema direita, condenou o PSDB a definhar até a tornar-se um partidinho. Aécio, diz-se, sairá para fundar um outro partido, parecido com as posições de Tancredo Neves: moderado. (Cláudio Fajardo)

Anúncios

0 Responses to “serra iludiu-se com a extrema-direita”



  1. Deixe um comentário

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: